sábado, 7 de fevereiro de 2009

O Brasil para o mundo: uma eterna colônia de férias!


Então leitores,

Logo após a postagem de ontem lembrei-me algo me incomodou sim na semana que passou.

O que leva 3 alemães tirarem a roupa no aeroporto internacional de Salvador? Bem, eles alegaram que não havia sanitários (mentira, pois eu já usei o sanitário deste mesmo aeroporto!) e para piorar tudo ainda alegaram que achavam que isso era normal aqui no nosso país... que bonito , hein , Brasil!

Álias, nos últimos tempos, uma declaração de um deputado italiano sobre o caso da extradição de Batistini (homem que cometeu 4 assassinatos na Itália e adivinha pra onde ele fugiu? Pra cá, é claro... e Lula não quer mandar embora) dizia o seguinte: "O Brasil não é famoso por bons juristas e sim por boas dançarinas"... aí, entornou o caldo!

O que será que esse povo pensa do Brasil?

Que o brasileiro vive de férias na praia 365 dias por ano, 24 horas por dia, ouvindo um bom sambinha ou de bunda pra cima pra tomar um sol... é lógico que é isso que eles pensam!

Quando a seleção brasileira eliminou a Inglaterra da copa de 2002, um jogador inglês disse o seguinte: "O Brasil ganhou porque fica o ano inteiro treinando futebol na praia".

Fico indignada quando ouço esse tipo de coisa, apesar de achar que, por muitas vezes, nossas atitudes e alguns fatos reforçam a idéia dos estrangeiros sobre o país... afinal, quando tem a chance de aparecer na mídia estrangeira, o que é que aparece ? Carnaval. Quando tem a chance de mandar um assassino embora, o que o governo faz? Fica com ele aqui e ainda trata bem!

Parabéns Brasil, parabéns brasileiros!

Temos aqui, por exemplo, grandes centros de pesquisa e grandes pesquisadores... e o que é que o Brasil quer mostrar? A bunda!

Só sinto pelos grandes brasileiros que levantam todos os dias 4h30 ou 5h da manhã para defender o sustento da família, tendo um péssimo transporte coletivo para usar e ganhando um salário, que se duvidar, é gasto só com ônibus!

Sinto dizer, mas isso aqui não é uma colônia de férias, mas é terra de ninguém. Aqui, leitores, pra começar não há fronteiras, as pessoas entram, saem, ficam... se instalam onde querem, fazem o que der na cabeça!

Já ousou perguntar para um coreano que vive no Brasil se ele está em situação legal?

Não é xenofobia não, leitores, mas acho que tudo começa pelo controle da polícia federal... é muito coreano nas grandes metropóles brasileiras... e a situação, é legal?

Sei que já misturei um monte de coisa aqui nesse texto, mas foi só pra exemplicar.


Nada disso que escrevi vai mudar em nada, pois os estrangeiros continuarão vindo pra cá tirar a roupa onde bem entenderem, ir à praia queimar as nádegas, ver o que a mulata tem, fortalecendo a prostituição e a excelente imagem que passamos para o mundo!


Quem sabe daqui algum tempo não encontraremos o Bush e o Bin Laden na capa da Caras tomando uma caipirinha juntos em Angra do Reis, hein? Tudo que não presta vem pro nosso paraíso passar férias, não é ?


"Yankees, go home" (Hugo Chavéz)


Até...vou agora me divertir na minha colônia de férias!

Nenhum comentário:

Postar um comentário